Facebook Twitter Instagram

Jorge Fortes da Agerp recebe quilombolas e discute parceria para a agricultura familiar

Representantes da comunidade quilombola Jutay do município de Monção (MA), Estiveram esta semana, na sede da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão – Agerp, órgão da Secretaria de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar (Sedes), buscando parceria para o incremento de programas sociais   para a melhoria da qualidade de vida das 160 famílias moradoras nesta, e em duas outras comunidades circunvizinhas, por meio da implantação de ações da agricultura familiar.

Ao conhecer o projeto de capacitação e aparelhamento para viabilização da logística de escoamento da produção agrícola familiar das associações quilombolas do município de Monção, especialmente  as comunidades de Jutay, Mata-boi, Fugido, Outeiro, Raposo e Rita – o presidente da Agerp, Jorge Fortes, se comprometeu em apoiar a iniciativa com o envolvimento de agentes agrícolas para a implementação do projeto, doação de sementes, e principalmente, na emissão de DAP’s, (Declaração de Aptidão ao Pronaf).

Projeto macro

Esta decisão, visa o desenvolvimento de agricultura  familiar,  envolvendo um grupo de sessenta e cinco mulheres que se encontram na linha de frente do projeto macro,  estendendo-se aos demais membros da família, com a criação de unidades produtivas de hortaliças para o consumo e a consequente comercialização.

O povoado de Jutaí – onde se instalará a sede do projeto, encabeça processos de renovação e mudanças sociais, econômicas, tecnológicas e culturais junto aos demais povoados do seu entorno, como típico quilombo brasileiro.

A proposta inicial para o desenvolvimento da localidade é o cadastro, mobilização e conscientização dos moradores, a retirada da DAP, capacitação e a implantação dos canteiros  na área de sua abrangência. Consta ainda, a realização de palestras com temas voltados às questões relevantes da sociedade.

Jorge Fortes destacou durante a reunião, a importância da parceria desta Agência para a aplicação das ações de fomento nas referidas comunidades. “A Agerp poderá contribuir não somente com a distribuição de sementes que os cidadãos necessitam, mas também, disponibilizaremos uma equipe que possa acompanhar durante  o tempo que for necessário para que  produção, escoamento e desenvolvimento da comunidade”, se comprometeu o presidente da Agerp.

Bastante gratificadas e confiantes, a líder da comunidade quilombola, Laura Victor e a psicóloga Socorro Fortes, afirmaram ter sido um encontro proveitoso e disseram aguardar para breve, a visita de técnicos para as primeiras orientações.

“Diante de todas as vulnerabilidades, senti apoio. O presidente foi acessível e se disponibilizou a ajudar no que for necessário”, destacou a psicóloga.

Agerp firma parceria com prefeitura de Urbano Santos para fortalecimento da agricultura familiar

O presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp), órgão da Secretaria de DSC05222Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar (Sedes) –  Jorge Fortes -, recebeu em seu gabinete, a visita da prefeita de Urbano Santos, Iracema Lima Vale.

No encontro, foram discutidas diversas formas de desenvolvimento da Agricultura Familiar naquele município, a partir de parceria firmada entre as duas  instituições. Destaque  na reunião, para  o debate sobre a implantação de projetos que beneficiem os moradores, a contratação de  técnicos para o acompanhamento permanente das unidades  familiares no município, bem como a emissão da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP),  documento que possibilita o agricultor familiar a ter acesso às políticas públicas garantidas pelo Governo Federal, nos próximos meses, pela Agerp.

“Bastante proveitoso, principalmente porque esclarecemos aos nossos visitantes o papel da Agerp no estado para depois, disponibilizarmos um quadro de profissionais para prestar assistência técnica aos municípios que nos tem procurado”, disse Jorge Fortes, ao grupo de assessores e secretários, que acompanhava a prefeita, na oportunidade.

Chamadas Públicas

Durante a conversa, o  presidente destacou as Chamadas Públicas do Programa Brasil sem Miséria em desenvolvimento nos Territórios da Cidadania (Campos e Lagos e Baixo Parnaíba), que atendem um total de 9.500 famílias de agricultores com ações de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) de acordo com a aptidão de cada unidade familiar.

DSC05228Além disso, Fortes  ressaltou o trabalho dos técnicos junto aos Escritórios Regionais nos diversos segmentos da Agricultura Familiar e finalmente, orientou os presentes, quanto à implementação  de programas de fomento e de inclusão produtiva, desenvolvidos pela Sedes.

Iracema Vale  disse  que o encontro permitiu  o esclarecimento de dúvidas quanto à algumas políticas públicas que podem ser aplicadas em Urbano Santos  e o atendimento a 80% da população, que  em grande parte, vive  em situação de pobreza absoluta.

“Viemos aqui solicitar ajuda ao presidente da Agerp no sentido de implantarmos um núcleo de trabalho e atendimento à população desassistida  de Urbano Santos.  Aposto na  parceria que hoje aqui se forma e creio que a partir de agora, teremos condições de trabalharmos para  melhorarmos a qualidade de vida dos nossos agricultores familiares”, afirmou a nova prefeita.