Facebook Twitter Instagram

Agerp realiza I Oficina de Nivelamento de Gestores

FOTO CAPA 3Com o objetivo de avaliar a realidade rural do Maranhão e planejar ações de assistência técnica na agricultura familiar, o Governo do Estado abriu, na manhã desta segunda-feira (25), a 1ª Oficina de Nivelamento de Gestores Regionais, no auditório do Palácio Henrique de La Rocque.

O evento se estende até quarta-feira (27) e é realizado pelo Sistema de Agricultura Familiar, composto pela Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF) e seus órgãos vinculados: Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp) e Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma).

A oficina reúne os novos gestores que irão organizar as ações de assistência técnica nas regionais da Agerp, que têm o desafio de melhorar o atendimento aos agricultores e contribuir para o desenvolvimento da produção agrícola. São as regionais de Bacabal, Açailândia, Caxias, Imperatriz, Viana, Pinheiro, Codó, Itapecuru, Barra do Corda, Balsas, Pedreiras, Chapadinha, Santa Inês, Rosário, São João dos Patos, Zé Doca, Timon e São Luís.

“Importante ter a participação de vários gestores porque a ação do governo Flávio Dino, por meio do Sistema de Agricultura Familiar passa a ter várias frentes, desde a parte de assistência técnica, de aquisição de terras e dos programas e projetos que estamos desenvolvendo. Os gestores da Agerp levarão para suas regionais o que está sendo planejado para desenvolver a agricultura”, ressaltou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

O presidente da Agerp, Fortunato Macedo, destacou a importância da assistência técnica, ressaltando a participação popular nas ações. “A presença dos movimentos sociais e de outros órgãos parceiros nos projetos de agricultura familiar significa a transversalidade que nós buscamos, a interação entre o governo e a sociedade para um resultado satisfatório, sobretudo a elevação do nosso IDH”, disse Macedo.

O secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, falou da importância do Plano de Ações ‘Mais IDH’ que veio para estabelecer equilíbrio na distribuição de renda no estado e combater a pobreza extrema, destacando o papel da agricultura familiar nesse processo, principalmente na assistência ao agricultor.

O secretário de Estado de Articulação Política, Márcio Jerry, também deu contribuição na abertura da oficina, enfatizando o esforço do governador Flávio Dino nesses quatro meses de gestão, buscando executar os compromissos que assumiu em campanha. Segundo ele, há déficit acumulado em vários setores do Estado que precisam ser trabalhados de forma corajosa.

“O governador Flávio Dino diz que o nosso governo precisa mudar o Maranhão e estamos motivados para isso. O desenvolvimento acontece com distribuição de renda, melhoria dos indicadores sociais, com acesso a escolas dignas, à saúde, e fortalecimento da agricultura familiar. E é o caminho estratégico dessa gestão que estamos seguindo para que a mudança aconteça”, disse Jerry.

Representando o presidente do Iterma, Mauro Jorge, o diretor de Reordenamento Agrário do órgão, Francisco Freitas, disse que o governo Flávio Dino está empenhado em transformar a realidade rural do Maranhão e destacou a iniciativa do governador em retomar o Programa Nacional do Crédito Fundiário no Maranhão após oito anos de abandono.

“Nesse tripé da agricultura familiar é muito importante a ação de cada um, a Agerp com assistência, a SAF com a coordenação geral no sistema, e o Iterma na regularização fundiária, principalmente aos pequenos agricultores, que sem terras legais não têm acesso às linhas de crédito”, ressaltou Freitas.

formação

Apresentação
No final da solenidade de abertura, o presidente da Agerp, Fortunato Macedo, fez a apresentação dos novos gestores regionais e o secretário Adelmo Soares fez uma apresentação sobre as ações e projetos da SAF, além de uma avaliação do cenário agrícola, destacando que o Maranhão é essencialmente rural, portanto não há como promover desenvolvimento sem fortalecer a agricultura familiar, levando em conta as pessoas, a qualidade da produção e os territórios, com sustentabilidade.

O evento, também, contou com a participação de representantes do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB), Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura do Estado do Maranhão (Fetaema), Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa-Cocais).

Nas terça (26) e quarta-feira (27), a oficina terá continuidade no auditório da Agerp, favorecendo a interação entre os novos gestores das regionais e as demais equipes do órgão.

SERVIDORAS DA AGERP GANHAM FESTA EM HOMENAGEM AO DIA DAS MÃES

100_3059Em comemoração ao Dia das mães, a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), promoveu na última sexta-feira, 08, uma festa para as mães servidoras do órgão. Várias mulheres compareceram ao evento para receber as homenagens e se divertir com as diversas surpresas preparadas pela Agência.

O auditório da Agerp, local onde foi realizada a comemoração, ficou pequeno para tantas mães que concorreram a sorteio de presentes e participaram das brincadeiras. As homenagens emocionaram as servirdoras. “Tudo foi planejado com dedicação e muito carinho organizado da melhor maneira possível, visando atender as mães para que se sentissem aconchegadas e acolhidas”, relatou Cristiana Muniz, Coordenadora Administrativa Financeira da Agerp.

Darli Cardoso emocionou-se ao tentar falar sobre os dois filhos: “Eles são um presente de Deus, não consigo nem descrever a alegria de tê-los em minha vida. Todo dia é ‘dia das mães’ lá em casa”, disse a auxiliar administrativa.

A Coordenadora de Gestão da Informação Rural da Instituição, Alessandra Lima, mãe da pequena Maria Helena, afirmou que tenta conciliar a rotina de trabalho com os cuidados destinados a filha de 3 anos. “Minha rotina às vezes atrapalha, fico longe, mas é pensando no nosso futuro. Ela é conhecida por todos aqui na Agerp. Estou com ela em pensamento e no coração sempre”, declarou a servidora.

Agerp participa da 15ª edição da Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins

Nesta quinta-feira,07, o presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão (Agerp), Fortunato Macedo, esteve presente na 15ª edição da Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins), que aconteceu no Centro Agrotecnológico de Palmas.

11139391_1588823288060408_7199375601259211201_n
A Agerp, juntamente com o governo do Estado, marcou presença no evento em um momento estratégico, uma vez que o estado do Tocantins, junto com o Maranhão, Piauí e Bahia, integra o circuito MATOPIBA, a nova fronteira agrícola do centro norte do Brasil.

O presidente da Agerp destacou a importância do evento para o pequeno agricultor e sobre a toca e experiência entre os estados. “O Agrotins é um grande evento, que agrega diversas experiências exitosas no campo agropecuário, englobando o segmento da agricultura familiar, trazendo diversas iniciativas tecnológicas voltadas para o pequeno agricultor. Vivenciamos um momento interessante para a troca de ideias entre os estados, uma oportunidade de levar o suporte devido para o nosso povo, que necessita desse amparo”, disse Fortunato Macedo.

Na comitiva maranhense também estavam o vice-governador, Carlos Brandão, o secretário de Estado da Agricultura e Pecuária (Sagrima), Márcio Honaiser e o presidente da EMAP, Ted Lago.

A Agrotins, que neste ano chega à sua 15ª edição, é reconhecida nacionalmente como evento técnico da maior relevância na divulgação das atividades de pesquisa, adaptação, validação, bem como da geração de negócios referentes ao setor produtivo. O evento ocupa uma área de 60 hectares onde são instaladas unidades demonstrativas de campo, área para estandes, auditório, entre outros espaços. Neste ano o objetivo do evento é apresentar as novidades para aperfeiçoamento da produção e apoiar o produtor a atuar dentro dos princípios da agricultura sustentável.